De acordo com dados divulgados recentemente pelo Novo Caged (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados), do Ministério do Trabalho e Emprego, Barueri foi a cidade do Brasil, a exceção das capitais de Estado, que mais empregos formais gerou no mês de novembro de 2023 e também no acumulado do ano. No ranking geral, a cidade está atrás apenas de grandes capitais, como São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Fortaleza, Curitiba, entre outras.

Em novembro, o município criou 20.561 novos postos de trabalho com carteira assinada, realizou 17.713 desligamentos e obteve saldo positivo de 2.848 empregos com estoque de 346.483. O setor de serviços foi o que mais admitiu no mês 11 de 2023. No total, foram gerados 16.886 postos de trabalho, 14.184 desligamentos e saldo positivo de 2.702 com estoque de 249.678 vagas.

As contratações do mês nesse setor foram impulsionadas principalmente pelo crescimento do comércio eletrônico e dos serviços de tecnologia da informação. O aluguel de máquinas e equipamentos, a publicidade e a contratação de mão de obra temporária também pesaram positivamente nos números.

O comércio e a indústria foram os dois outros setores, depois de serviços, que mais contribuíram para a geração de empregos em Barueri em novembro. No comércio, o crescimento foi impulsionado pelo aumento das vendas no varejo. Já no setor industrial, a expansão foi puxada pelas indústrias de alimentos e bebidas, metalurgia e construção civil.

Empregos em alta no município

A geração de empregos é um importante indicador da saúde econômica de uma região, sendo assim, esses resultados divulgados pelo Caged consolidam Barueri como um polo de geração de empregos no Estado de São Paulo e no Brasil.

Para se ter ideia, no acumulado do ano, a cidade totalizou 211.731 novos empregos, ficando em 1º lugar entre as não capitais e entre os municípios com população entre 100 mil e 500 mil habitantes; na 2ª colocação no Estado, atrás apenas da capital de São Paulo (que criou 2.338.685 novos postos de trabalho); e a 10ª do Brasil, à frente de 17 capitais.

Uma série de fatores contribuiu sobremaneira para este resultado tão positivo. Entre eles estão: a localização privilegiada da cidade, sua infraestrutura adequada, a forte presença de empresas de setores diversos, além da política de incentivo ao emprego e ao empreendedorismo, que tem contribuído sobremaneira para atrair novas empresas e investimentos.

A postagem Barueri foi a não capital que mais empregou no Brasil em 2023, segundo Novo Caged apareceu primeiro em Jornal Digital da Região Oeste.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Inscreva-se em Nossa Newsletters

Ser notificado das melhores promoções no nosso WordPress temas.

Você Também Pode Gostar

Barueri abre novos cursos de geração de renda 

A Secretaria de Assistência e Desenvolvimento Social de Barueri (Sads) abrirá novas…

Cotia inicia a vacinação seletiva contra meningite nas UBS’s até 28/02

A vacinação visa imunizar jovens contra a meningite ACWY, mesmo que tenham…

Itapevi abre inscrições para elenco  do espetáculo Paixão de Cristo 2023

Vagas são para munícipes com idade a partir de 12 anos e…

Festa do Trabalhador de Jandira 2024 promete muita música e diversão com Guilherme & Benuto e Felipe Araújo

Com entrada franca, grandes nomes do sertanejo estarão reunidos em um show…